PINGDOM_CANARY_STRING
o básico da computação em nuvem

Entendendo os fundamentos da computação em nuvem

Tempo de leitura: cerca de 7 minutos

Publicado por: Lucid Content Team

A computação em nuvem está conquistando o mundo. Aliás, até 2021, 94% das cargas de trabalho e das instâncias de computação serão processadas via data centers em nuvem, em comparação com apenas 6% por data centers tradicionais, de acordo com pesquisa da Cisco.

O princípio da nuvem não é novo, mas, com cada vez mais empresas adotando os serviços on-ine, é importante entender as nuances da terminologia e dos conceitos da computação em nuvem.

O que é nuvem?

Para os leigos, nuvem pode ser um conceito temeroso e nebuloso. Ouvimos falar de computação em nuvem o tempo todo, mas, o que exatamente significa?

O Instituto Nacional de Padrões e Tecnologia (NIST) descreve assim os fundamentos da computação em nuvem:

Computação em nuvem é um modelo que dá acesso onipresente, conveniente e sob demanda à rede a um pool compartilhado de recursos de computação configuráveis (como redes, servidores, armazenamento, aplicações e serviços), que podem ser rapidamente provisionados e liberados com pouquíssimo gerenciamento ou interação com o provedor de serviços.

Ainda confuso?

Em resumo, a nuvem é a internet, e a computação em nuvem é a linguagem técnica que descreve o software e os serviços executados pela internet (ou por uma intranet), em vez de em servidores privados e discos rígidos. 

Como a computação em nuvem funciona

A computação em nuvem difere dos serviços tradicionais de hospedagem de TI, pois o consumidor (seja uma empresa, uma organização ou um usuário) geralmente não possui a infraestrutura necessária para os programas ou aplicações que usa.

Em vez disso, esses elementos pertencem e são operados por terceiros, e o usuário final paga apenas pelos serviços que usa. Em outras palavras, computação em nuvem é um modelo de computação por demanda e baseado em utilitários.

Características da computação em nuvem 

Autoatendimento por demanda

O usuário pode acessar serviços de computação via nuvem quando necessário, sem interagir com o provedor de serviços. Os serviços de computação devem ser totalmente por demanda, para que o usuário tenha controle e agilidade para atender às necessidades dele.

Amplo acesso à rede

Os serviços de computação em nuvem estão amplamente disponíveis na rede pela ferramenta preferida do usuário (como laptop, desktop e smartphone, entre outros).

Pooling de recursos

Um dos elementos mais interessantes na computação em nuvem é o agrupamento de recursos para oferecer serviços de computação flexíveis. Recursos como armazenamento, memória, processamento e largura de banda de rede são agrupados e distribuídos a vários consumidores com base na demanda.

Elasticidade rápida

A alocação de recursos requer elasticidade. Os recursos devem ser distribuídos com precisão e rapidez, além de absorver aumentos e diminuições significativos na demanda, sem interrupção do serviço ou degradação da qualidade.

Serviço medido

Seguindo o modelo de utilidade, os serviços de computação em nuvem são medidos para que o prestador de serviços (e o consumidor) monitore o uso e avalie os custos de acordo com a demanda por recursos.

illustration of people working together

Para encontrar a solução certa para sua organização, compare as soluções em servidor na nuvem e no local.

Saiba mais

Modelos de serviço em nuvem

As soluções em nuvem têm três modelos principais de serviço: infraestrutura como serviço (IaaS), plataforma como serviço (PaaS) e software como serviço (SaaS).

cloud computing slanted control

IaaS

O IaaS dá ao usuário acesso a armazenamento, rede, servidores e outros recursos de computação via nuvem. O usuário ainda é responsável pelo gerenciamento de aplicações, dados e middleware, entre outros. Porém, o IaaS oferece um ambiente automatizado e maleável, com alto grau de controle e flexibilidade ao usuário.

Muitas empresas usam o IaaS para, por exemplo, trabalhar com picos de carga de trabalho durante as épocas mais movimentadas (como feriados).

Os provedores de IaaS mais usados são:

  • Amazon Web Services (AWS)
  • Microsoft Azure
  • Google Compute Engine (GCE), o componente IaaS do Google Cloud Platform (GCP)
illustration of people working together

Compare AWS, Azure e GCP e descubra qual é a melhor plataforma de nuvem para você e sua empresa.

Saiba mais

PaaS

Esta camada de serviço é voltada principalmente para desenvolvedores e para profissionais de operações. Os provedores de serviços alugam plataformas on-line para que o usuário desenvolva e entregue aplicações. Em outras palavras, o PaaS fornece uma estrutura que facilita a criação, personalização e implantação eficiente de aplicações.

SaaS

Os serviços de aplicação em nuvem são os modelos mais conhecidos de serviço em nuvem. O software é hospedado, empacotado e entregue por terceiros pela internet (normalmente numa interface de browser). Ao entregar a aplicação de software pela internet, a empresa pode transferir os custos do gerenciamento e da manutenção para o fornecedor.

As opções populares de SaaS incluem e-mail e software de gerenciamento de relacionamento com o cliente. 

Tipos de computação em nuvem

São três as principais opções de serviço em nuvem: nuvens privadas, públicas e híbridas. Cada uma tem vantagens e desvantagens; a recomendada para você (ou sua empresa) depende dos seus dados, bem como do nível de segurança e do gerenciamento de que você precisa.

Público

A nuvem pública é provavelmente a opção de computação em nuvem mais comumente compreendida. Nela, todos os serviços e a infraestrutura de suporte são gerenciados em outro local, via internet, e compartilhados entre vários usuários (ou locatários).

Para o consumidor, um bom exemplo de nuvem pública são os serviços de streaming, como Netflix ou Hulu. O usuário assina o serviço para ter uma conta, mas acessa os mesmos serviços na plataforma via internet.

A vantagem de usar a nuvem pública é a eficiência e a subsequente relação custo-benefício dos recursos compartilhados. As nuvens públicas normalmente são mais baratas do que as soluções em nuvem privada e híbrida (bem como a tradicional computação no local), por usarem economia de escala. O usuário não precisa pagar pelos serviços que não usa e nem se preocupar em gerenciar e manter a infraestrutura física.

Privado

Usando a internet ou uma rede privada, a nuvem privada oferece serviços de TI a alguns usuários, em vez de ao público em geral. Em vez de ter vários locatários, como uma nuvem pública, a nuvem privada normalmente tem apenas um. Todos os dados ficam protegidos por um firewall. É a opção comum entre muitas empresas que procuram agilidade na nuvem, mas com mais personalização e segurança.

Nuvens privadas podem ficar no local ou a distância. A diferença é o locatário privado, que mantém maior controle sobre os serviços de TI. As nuvens privadas são usadas por organizações com altas prioridades em segurança e conformidade.

Híbrido

O ambiente de nuvem híbrido combina elementos de nuvem privada e pública em graus variados. Apesar de operarem de forma independente no ambiente híbrido, as nuvens se comunicam via conexão criptografada e permitem a portabilidade de dados e aplicações.

É uma solução em nuvem cada vez mais procurada, pois dá às organizações mais flexibilidade para atender às necessidades de TI. 

Benefícios do uso da nuvem à sua empresa

São muitas as potenciais vantagens na adoção de soluções on-line para sua empresa. Dependendo das necessidades de negócios e de dados, a migração para um ambiente em nuvem pode resultar nos seguintes benefícios:

Economia de custos

Embora o custo inicial para migrar para a nuvem tenha impacto em algumas empresas, há oportunidades atraentes no ROI e na economia de custos. Operar na nuvem normalmente envolve adotar o modelo "pague o quanto usa", ou seja, você não precisa mais pagar pela TI que não usa (seja armazenamento, largura de banda, entre outros).

Além disso, as soluções em nuvem são mais acessíveis para pequenas empresas, que não têm capital para criar e gerenciar a própria infraestrutura de TI. Essa maior eficiência e economia de escala resultam em mais dinheiro no bolso no longo prazo.

Confiabilidade

A plataforma gerenciada em nuvem geralmente é muito mais confiável do que uma infraestrutura de TI interna, pois tem menos instâncias de inatividade ou interrupções no serviço. A maioria dos provedores oferece suporte 24 horas e mais de 99,9% de disponibilidade.

Com backup para os backups deles, você garante que seus dados e aplicações estarão disponíveis sempre que você precisar.

Mobilidade

Em relação ao serviço tradicional de TI, a nuvem oferece um nível inédito de portabilidade. No gerenciamento de dados e de software na nuvem, os funcionários acessam as informações necessárias e se comunicam entre si quando e onde quiserem, via laptop, smartphone ou qualquer outro aparelho conectado à internet.

As soluções on-line aumentam as oportunidades de trabalho remoto, além da produtividade e da eficiência, pois, com o toque de um botão, todos têm acesso garantido às mesmas informações atualizadas.

illustration of people working together

Sua empresa está se preparando para migrar para a nuvem? Use nosso checklist para manter sua estratégia de migração para a nuvem no caminho certo.

Veja mais

Comece a diagramar com o Lucidchart hoje mesmo — gratuitamente!

Cadastre‐se gratuitamente

Bastante acessado

what does HR do

O que faz o RH? 11 responsabilidades importantes

Sobre o Lucidchart

O Lucidchart é o aplicativo de diagramação inteligente que capacita as equipes a esclarecer a complexidade, alinhar seus insights e construir o futuro, mais rapidamente. Com esta solução intuitiva baseada em nuvem, todos podem trabalhar visualmente e colaborar em tempo real enquanto criam fluxogramas, maquetes, diagramas UML e muito mais.

O Lucidchart é a alternativa on-line ao Visio mais conhecida e utilizada em mais de 180 países por milhões de usuários, desde gerentes de vendas para mapear organizações-alvo a diretores de TI para visualizar sua infraestrutura de rede.

Publicações relacionadas:

Why AWS is the #1 Cloud in Business

AWS gartner

Using network diagrams for diagnosis and troubleshooting

network troubleshooting
Português
EnglishFrançaisDeutsch日本語PortuguêsEspañolNederlandsPусскийItaliano
PrivacidadeJurídico
© 2021 Lucid Software Inc.