Estratégia multinuvem

O que é multicloud, principais tecnologias, benefícios e desafios

Tempo de leitura: cerca de 6 minutos

Hoje em dia, “nuvem” e os chavões relacionados à ela são usados regularmente nos setores de tecnologia. Se sua empresa ainda não migrou para a nuvem, é provável que haja planos para isso no futuro próximo. Aliás, cerca de 85% das empresas já migraram para a nuvem. 

Multicloud (ou multinuvem) é um termo que vem recebendo muita atenção ultimamente. Como o nome já indica, o multicloud descreve um ambiente de nuvem na qual são usadas duas ou mais plataformas de nuvem, incluindo os seus recursos de nuvem privada no local. Em uma arquitetura heterogênea, todas as aplicações, recursos e serviços são distribuídos em vários ambientes de nuvem. 

Qual é a diferença entre multicloud e nuvem híbrida?

Os termos multicloud e nuvem híbrida descrevem ambientes que usam várias configurações de nuvem. Porém, eles têm definições distintas e não intervambiáveis. 

Nuvem híbrida se refere a uma configuração que possibilita a comunicação e transmissão de dados, aplicações e serviços entre duas ou mais nuvens públicas e privadas. Ela usa uma combinação de recursos de nuvem privada (no local ou fora do local) e de nuvem pública. Assim, você usa recursos separados de nuvem para executar uma tarefa.

Multicloud se refere ao uso dos recursos de duas ou mais nuvens (geralmente serviços de nuvem pública de vários provedores), de forma que você não precise contar com um único provedor. Em vez de usar os recursos separados de nuvem para executar uma tarefa, o multicloud dá acesso a diferentes modelos de serviço para você combinar o serviço certo com a tarefa certa.

As nuvens híbridas e multicloud se complementam. Ambientes multicloud podem se tornar híbridos, basta incorporar recursos de nuvem privada às várias nuvens públicas. A nuvem híbrida, por sua vez, só incorpora uma nuvem pública.

Principais tecnologias da estratégia multicloud

Contêiner multicloud

O contêiner é usado para mover aplicações dentro de uma infraestrutura multicloud. O contêiner inclui aplicações, bibliotecas, variáveis de ambiente e arquivos de configuração necessários para executar a aplicação em qualquer ambiente operacional no qual o contêiner funciona. 

Armazenamento multicloud

É possível armazenar dados no local e/ou na nuvem, de acordo com as suas necessidades. O armazenamento na nuvem é mais flexível e expansível. Já o armazenamento multicloud envolve tipos específicos de dados em diferentes locais, a fim de cumprir as leis e regulamentos de privacidade que diferem entre estados, países e regiões.

Automação multicloud

Mantenha suas aplicações funcionando e trabalhando em várias nuvens e localizações geográficas. A automação reduz os erros humanos e melhora a eficiência e a padronização operacional; assim, suas equipes ficam livres para realizar outras tarefas. 

Monitoramento multicloud

No ambiente multicloud, silos e outras complexidades reduzem a visibilidade, dificultando o gerenciamento da infraestrutura. As ferramentas de mapeamento do Lucid mostram a arquitetura de nuvem para você identificar áreas problemáticas e áreas para automação. Comece a monitorar a implementação da nuvem com antecedência para evitar o gerenciamento ineficaz dos recursos. 

Benefícios do multicloud

A adoção de uma estratégia multicloud pode dar uma vantagem competitiva à sua organização. Confira alguns dos benefícios a seguir.

Baixo risco: a infraestrutura multicloud impede que a empresa dependa exclusivamente de um único provedor de serviços de nuvem. Se um dos provedores ficar inativo, somente os serviços dele serão afetados. É improvável que todos os provedores fiquem inativos ao mesmo tempo. A estratégia multicloud estabiliza sua infraestrutura, pois cria redundâncias que reduzem os riscos se um ponto falhar.

Segurança avançada: ter serviços em nuvem distribuídos em vários provedores reduz o risco de ataques maliciosos, como um ataque distribuído de negação de serviço (DDoS), e mantém a rede otimizada para que seus clientes acessem o que precisarem.

Acesso à tecnologia: se o seu orçamento não cobre a instalação de soluções analíticas ou de gerenciamento no local, você pode usar um serviço em nuvem para evitar custos iniciais altos. Tecnologias inovadoras podem ser acessadas e implementadas de forma rápida. Além disso, você tem acesso a um catálogo maior de soluções e pode escolher entre diferentes fornecedores.

Personalização: a estratégia multicloud combina os melhores serviços de cada nuvem e personaliza serviços que se alinham mais com os objetivos da sua empresa. Isso acaba se traduzindo em maior eficiência e ROI, pois você atende às necessidades de negócios em tempo real.

Sem dependência de um só provedor: quando as aplicações dependem muito de um único provedor de nuvem, mudar para outro provedor é difícil, caro e demorado. Por ser flexível, a estratégia multicloud abre espaço para planejar a portabilidade entre várias nuvens.

Redução da TI paralela: TI paralela se refere à prática de um departamento ou unidade de negócios que adota e implementa soluções de tecnologia sem consultar o departamento de TI da empresa. 

Isso geralmente acontece quando as organizações demoram a adotar novas tecnologias, e os funcionários decidem instalar e configurar novas aplicações por conta própria. Com o multicloud, sua organização ter acesso mais rápido às novas tecnologias disponíveis; assim, você pode adotar os serviços que estimulam a produtividade e a colaboração.   

Melhor desempenho das aplicações: os provedores de nuvem têm vários data centers em todo o mundo, criando uma rede de zonas de alta disponibilidade, na qual os clientes acessam e processam dados em alta velocidade onde estiverem.

Expansibilidade: distribua recursos em várias nuvens para facilitar o expansão dos seus serviços de acordo com a demanda atual.

Desafios do multicloud

Gerenciar vários serviços de vários provedores num único ambiente é complicado. Confira alguns desafios que você pode enfrentar ao implementar uma estratégia multicloud.

Encontrar o serviço de nuvem certo para suas necessidades: cada serviço de nuvem é diferente, e eles não trabalham com aplicações e processos específicos da mesma maneira. É preciso muita pesquisa para avaliar e determinar quais serviços em cada nuvem são os melhores para cada tarefa.

Diferentes ferramentas de fluxo de trabalho e gerenciamento:  cada serviço de nuvem tem o próprio conjunto de ferramentas, o que deixa mais intrincado um ambiente já complexo. Felizmente, existem ferramentas de gerenciamento multicloud que centralizam sua infraestrutura multicloud.

Falta de mão de obra qualificada: à medida que a tecnologia de nuvem evolui e se expande, é difícil achar profissionais para trabalhar no ambiente multicloud.

Dados isolados: o ambiente com várias nuvens acaba isolando dados, pois eles armazenados em diferentes data centers de diferentes plataformas em diferentes locais. Quando tentar incluir sua própria empresa em todos os locais, surgem inconsistências que causam resultados diferentes ou inesperados. 

O uso de contêineres mantêm a padronização. E a incorporação de um ambiente híbrido ao ambiente multicloud pode trazer mais controle, pois os dados são armazenados em uma nuvem privada.

Acompanhar as mudanças: pode levar muito tempo e ser necessário muito esforço para você ficar por dentro dos novos serviços e atualizações que são implementados regularmente.

A computação em nuvem veio para ficar, e o mercado continuará crescendo. Aliás, estima-se que o mercado global de nuvem crescerá de U$ 371,4 bilhões em 2020 para U$ 832,1 bilhões em 2025. Para acompanhar as mudanças, escolha os provedores de serviços de nuvem certos; os serviços certos em cada nuvem; e a ferramenta de gerenciamento certa para sua empresa e seus clientes.

Seja na abordagem multinuvem ou nuvem híbrida, é essencial que sua organização observe os cinco pilares da arquitetura de nuvem. Vamos mostrar como.
Crie uma infraestrutura resiliente de nuvem

Saiba como usar o Lucidscale para manter os cinco pilares da arquitetura de nuvem.

Visualize seu ambiente de nuvem

Bastante acessado

The 4 Phases of the Project Management Life CycleAs 4 fases do ciclo de vida da gestão de projetos

Sobre o Lucidchart

O Lucidchart é o aplicativo de diagramação inteligente que capacita as equipes a esclarecer a complexidade, alinhar seus insights e construir o futuro, mais rapidamente. Com esta solução intuitiva baseada em nuvem, todos podem trabalhar visualmente e colaborar em tempo real enquanto criam fluxogramas, maquetes, diagramas UML e muito mais.

O Lucidchart é a alternativa on-line ao Visio mais conhecida e utilizada em mais de 180 países por milhões de usuários, desde gerentes de vendas para mapear organizações-alvo a diretores de TI para visualizar sua infraestrutura de rede.

Iniciar

  • Preços
  • Individual
  • Equipe
  • Empresa
  • Falar com área de vendas
PrivacidadeJurídicoCookies

© 2023 Lucid Software Inc.