Diagram

O que é e como fazer diagrama de PERT

O que deseja fazer com um diagrama de PERT?

Quero aprender mais sobre diagramas de PERT pois são novidade para mim.

Com o diagrama de PERT bem organizado, o gerente de projetos agenda e coordena tarefas dentro de um projeto para estimar o tempo necessário de conclusão. Continue lendo para aprender mais sobre os benefícios dos gráficos PERT e saber como criar e implementá-los.

Leitura de 7 minuto(s)

Quer criar seu próprio gráfico PERT? Experimente o Lucidchart. É rápido, fácil e gratuito.

Fazer um diagrama PERT

O que é um diagrama de PERT?

PERT é um acrônimo (do inglês) para a avaliação de programas e técnica de revisão. Um diagrama de PERT é uma ferramenta de gerenciamento de projetos usada para analisar cada tarefa envolvida na conclusão de um projeto. Voltado para projetos de grande escala, os diagramas de PERT (ou gráficos de PERT) identificam o tempo necessário para concluir cada tarefa, estimando os requisitos de tempo mais curtos, longos e prováveis.

Gráficos PERT dão um entendimento visual claro dos requisitos de tempo do projeto e das dependências entre tarefas, permitindo tomar decisões informadas sobre o sequenciamento de tarefas, prazos e muito mais. Com este mapa abrangente de tarefas e prazos, você e sua equipe concluem o projeto mais rapidamente, com menos desperdício e confusão, criando resultados melhores para sua equipe e seus clientes.

Vantagens do gráfico PERT

Gráficos PERT são ótimos para projetos não rotineiros ou com prazos apertados e com muitas dependências de tarefas. 

Um diagrama de PERT:

  • Esclarece os prazos à sua equipe. 
  • Dá uma visão detalhada da sequência de execução de tarefas.
  • Ajuda você a administrar o tempo e os recursos com sua equipe com mais eficiência. 
  • Reduz desperdício e custos na conclusão do projeto.

Talvez o maior benefício do gráfico PERT seja dar mais satisfação ao funcionário e cliente. Se usados corretamente, dados contextualizados nos diagramas de PERT podem simplificar o processo de tomada de decisão e dar à sua equipe um senso de responsabilidade em relação aos requisitos do projeto. Isso resulta em menos estresse, menos prazos não cumpridos e mais tempo para realizar seu próximo projeto.

Qual a diferença entre gráfico de Gantt e gráfico PERT?

Gráficos PERT e gráficos de Gantt são ferramentas visuais usadas para gerenciar projetos, mas há algumas diferenças importantes entre ambos. A maior diferença entre eles é que diagramas de PERT são usados antes do início de um projeto grande para dividi-lo em tarefas menores, enquanto gráficos de Gantt são usados durante o andamento de um projeto para agendar tarefas por data e descrever quanto do trabalho já foi concluído. 

Recomendamos o diagrama de PERT se o objetivo for a visualização de interdependências, determinar o caminho crítico do projeto ou estimar a duração do projeto com precisão.

Veja abaixo exemplos de diagramas de PERT e gráficos de Gantt:

 

Exemplo de diagrama de PERT:

Exemplo de gráfico de Gantt:

A diferença entre PERT e CPM

O método PERT e o método do caminho crítico (CPM) são métodos de gerenciamento de projetos focados no fluxo e na sequência de tarefas em projetos de grande escala. Ambos são ótimas ferramentas para planejar e melhorar a eficiência de um projeto. 

A principal diferença entre PERT e CPM é que os diagramas de PERT geralmente são usados para determinar o tempo de conclusão de um projeto, enquanto o CPM é usado em projetos previsíveis e que ocorrem com frequência. Gráficos PERT são métodos de planejamento e gerenciamento de tempo, enquanto o CPM é usado para controlar custos e tempo.

Para obter o máximo de benefícios, recomendamos usar o CPM junto com o método PERT. A implementação de ambos na estratégia de gestão de projetos pode estabelecer um prazo realista e um fluxo de processo ideal à sua equipe, gerando os melhores resultados possíveis. Saiba mais sobre o CPM no nosso guia.

Símbolos, notação e terminologias de diagramas de PERT

Veja uma lista dos símbolos, ícones e terminologias de diagramas de PERT mais usados:

  • Diagrama de PERT: o diagrama de PERT usa os símbolos e a notação da avaliação de programas e da revisão de técnicas para representar o fluxo de tarefas dependentes e outros eventos de um projeto.

  • Evento PERT: o ponto em um diagrama de PERT que marca a conclusão ou o início de uma ou mais tarefas. Esse ponto só pode ocorrer quando todas as atividades que levam a este evento forem concluídas.

  • Evento predecessor: um evento que precede imediatamente outro no projeto, sem a intervenção de nenhum outro evento.

  • Evento sucessor: um evento que segue imediatamente outro, sem a intervenção de outro evento.

  • Caminho crítico: o caminho entre o primeiro e o último eventos do projeto, incluindo todas as tarefas e durações do projeto, que somam à maior duração geral do projeto. Ao identificar a maior duração possível, você pode determinar o menor tempo possível para concluir o projeto.

  • Atividade no caminho crítico: tarefas que devem iniciar e terminar no prazo para que o projeto seja concluído dentro do cronograma.

  • Falha no caminho crítico: o ato de adicionar recursos ao projeto para concluir as atividades e comprimir o cronograma.

  • Agilização: atividades do projeto que, originalmente, deveriam ser concluídas em sequência, mas que são executadas simultaneamente para economizar tempo. 

  • Tempo de atraso: o atraso entre tarefas que têm dependências.

  • Tempo de execução: o tempo necessário para concluir uma tarefa ou um grupo de tarefas interdependentes.

Símbolo

Nome do símbolo

Descrição

Exterminador


Indica pontos de início e término


(circular)

Usado para representar eventos ou marcos e conter números

 


(retangular)

Usado para representar eventos ou marcos e conter números

 

Tarefa
(tabela)

Contém estimativas de tempo, datas estimadas de início e término e o proprietário da tarefa

 

Conector de linha
Setas direcionais para representar dependências sequencialmente

 

Conector de linha pontilhada
Setas direcionais usadas para indicar dependências que não exigem recursos

 

Faixas/Contêineres
Usados para separar o gráfico PERT em diferentes zonas, em que cada uma representa diferentes áreas do projeto

Diagramar é rápido e fácil com o Lucidchart. Faça uma avaliação gratuita hoje mesmo para começar a criar e colaborar.

Fazer um diagrama PERT

A fórmula PERT e quando usá-la

Há inúmeras variáveis que afetam a conclusão da tarefa, dificultando estimar o tempo até concluir o projeto. Usuários de diagramas de PERT geralmente usam quatro cálculos padrão para determinar a duração do projeto:

  • Tempo otimista (O): a menor quantidade possível de tempo necessária para realizar uma tarefa
  • Tempo mais provável (M): uma estimativa embasada de quanto tempo leva para a tarefa ser concluída sem problemas ou atrasos
  • Tempo pessimista (P): a quantidade máxima de tempo necessária para realizar uma tarefa
  • Tempo esperado (E): estimativa razoável de quanto tempo uma tarefa levará para ser concluída, levando em consideração possíveis problemas ou atrasos

A equação básica de estimativa PERT usada para determinar o tempo esperado é E = (O + 4M + P)/6.

Após identificar cada estimativa de tempo, eles podem ser inseridos na fórmula PERT para calcular, com mais precisão, a duração do projeto. 

Veja um exemplo usando a reforma simples de uma casa. Se a estimativa de tempo otimista é de 160 dias, a estimativa de tempo pessimista é de 365 dias e a estimativa de tempo mais provável é de 250 dias, a equação será mais ou menos esta:

E = (160 + 4 x 200 + 365)/6 

Portanto, você pode estimar que a reforma da casa estará concluída em aproximadamente 221 dias.

Como fazer um diagrama de PERT

Após decidir implementar um diagrama de PERT no próximo projeto, use uma plataforma visual e siga os passos abaixo para criar um diagrama de PERT do zero:

  1. Identifique as tarefas: crie uma lista completa das tarefas que precisam ser concluídas no projeto. Isso é feito com mais facilidade quando o projeto já está totalmente definido e você já determinou quais tarefas são críticas e quais não são. 
  2. Calcule o tempo: determine os intervalos otimistas, pessimistas e mais prováveis de cada tarefa. Depois de calculá-los, você pode determinar a duração estimada do projeto.
  3. Insira as tarefas em um diagrama de rede do projeto: insira as tarefas no diagrama junto com o tempo estimado para conclusão. O diagrama mostra uma linha do tempo visual do projeto para você determinar o caminho crítico.

Como fazer uma análise PERT

A análise PERT é usada para determinar a probabilidade de o projeto ser concluído dentro do prazo. Para realizar uma análise PERT, use o desvio padrão para determinar a quantidade de variações nos dados. 

A fórmula de desvio padrão é: (P - O)/6

Quanto menor o desvio padrão, mais confiança você terá na data prevista de conclusão. 

Exemplos de diagramas PERT

Use um dos modelos de gráfico PERT abaixo e modifique-os de acordo com suas necessidades.

Exemplo de diagrama de PERT simples

Este modelo de gráfico PERT oferece um design simples de "atividade na seta" do gráfico PERT. Cada seta contém um rótulo com a tarefa apropriada e o tempo esperado, e o caminho crítico do projeto está claro.

Clique para editar este modelo pronto

 

Exemplo de gráfico PERT de rede

Este modelo de diagrama de PERT mostra os nós das tarefas em um diagrama de rede. Cada nó contém informações mais detalhadas sobre a tarefa, incluindo estimativas de tempo, durações e horários de início e término.

Clique para editar este modelo pronto​​​​​

 

Exemplo de diagrama de PERT vertical

Este é outro exemplo de gráfico PERT simples com layout vertical. Este exemplo também usa nós circulares para representar a ordem das tarefas, e o caminho crítico é marcado com um contorno vermelho.

Clique para editar este modelo pronto

 


  • Método do caminho crítico e gráficos PERT
  • Modelos de gráficos PERT

Quer criar seu próprio gráfico PERT? Experimente o Lucidchart. É rápido, fácil e gratuito.