PINGDOM_CANARY_STRING
processo de avaliação de riscos

Um guia completo do processo de avaliação de riscos

Tempo de leitura: cerca de 6 minutos

Publicado por: Lucid Content Team

Mark Zuckerberg, fundador do Facebook, certa vez disse: “O maior risco é não correr nenhum risco. Em um mundo em que tudo muda rapidamente, a única estratégia que certamente falhará é a de não correr riscos.”

Embora você provavelmente já tenha ouvido conselhos parecidos de figuras importantes ao longo dos anos (inclusive, encontramos muitas frases como essa em nossas pesquisas para escrever este artigo), você há de concordar que existem alguns riscos que sua empresa não quer correr, por exemplo, os que ameaçam a saúde e o bem-estar de seus funcionários.

Por meio de um processo de avaliação de riscos, as empresas podem identificar e antecipar riscos potenciais, a fim de evitar consequências catastróficas no futuro e proteger seus funcionários.

passos da avaliação de riscos
Passos da avaliação de riscos (clique na imagem para modificar on-line)

O que é uma avaliação de riscos?

No processo de avaliação de riscos, o usuário analisa sua organização para:

  • Identificar processos e situações que possam causar danos, principalmente às pessoas.
  • Determinar a probabilidade de cada perigo e também a gravidade das consequências.
  • Definir quais passos a organização pode dar para impedir que esses riscos ocorram, ou para controlá-los.

É importante notar a diferença entre perigos e riscos. Um perigo é qualquer coisa que possa causar um dano, como acidentes de trabalho, situações de emergência, produtos químicos tóxicos, conflitos entre funcionários, estresse e mais. Um risco, por outro lado, é a chance de um perigo causar danos. Como parte do seu plano de avaliação de riscos, você identificará os perigos e também calculará o risco ou a probabilidade de o risco ocorrer.

O objetivo de um plano de avaliação de riscos depende de cada setor, mas, no geral, é de ajudar as organizações a anteciparem e combaterem riscos. Outros objetivos incluem:

  • Fornecer uma análise de possíveis ameaças
  • Prevenir lesões ou doenças
  • Atender requisitos legais
  • Informar a todos sobre perigos e riscos
  • Criar um inventário preciso dos ativos disponíveis
  • Justificar os custos da gestão de riscos
  • Determinar o orçamento para solucionar os riscos
  • Entender o retorno sobre o investimento

As empresas devem fazer uma avaliação de riscos antes de incorporar novos processos ou atividades, antes de fazer alterações em processos ou atividades existentes (como a troca de máquinas) ou quando a empresa identificar um novo perigo.

Seguir os passos da avaliação de riscos corretamente é muito importante para o plano de gerenciamento de saúde e segurança da sua organização, e garante que ela esteja preparada para lidar com qualquer tipo de risco.  

5 passos do processo de avaliação de riscos

Antes de iniciar o processo de gestão de riscos, determine o escopo da avaliação, os recursos necessários, as partes interessadas envolvidas e as leis e os regulamentos que você precisará seguir. Em seguida, observe os cinco passos abaixo.

1. Identifique os perigos

O primeiro passo para criar seu plano de avaliação de riscos é determinar quais riscos seus funcionários e sua empresa enfrentam, como:

  • Desastres naturais (enchentes, tornados, furacões, terremotos, incêndios etc.)
  • Perigos biológicos (doenças pandêmicas, doenças transmitidas por alimentos etc.)
  • Acidentes no local de trabalho (escorregões e quedas, acidentes de transporte, falhas estruturais, avaria mecânica etc.)
  • Atos intencionais (greves trabalhistas, manifestações, ameaças de bomba, roubo, incêndio criminoso etc.)
  • Perigos tecnológicos (perda de conexão à internet, apagões de energia etc.)
  • Riscos químicos (amianto, fluidos químicos de limpeza etc.)
  • Perigos de saúde mental (carga de trabalho excessiva, bullying etc.)
  • Interrupções na cadeia de fornecimento

Observe seu local de trabalho e descubra quais processos ou atividades poderão causar danos à sua organização. Considere todos os aspectos do trabalho, incluindo colaboradores remotos e atividades não rotineiras, como serviços de reparo e manutenção. Analise também relatórios de acidentes/incidentes para determinar quais perigos afetaram sua empresa no passado.

Use o Lucidchart para dividir as tarefas em perigos potenciais e ativos que estão sob risco. Use nosso modelo gratuito abaixo.

identificação e análise de perigos
Identificação e análise de perigos (clique na imagem para modificar on-line)

2. Determine quem pode ser prejudicado, e como

Ao observar sua organização, considere como seus funcionários podem se machucar durante atividades comerciais ou por fatores externos. Para cada perigo identificado no primeiro passo, pense em quem sofrerá caso ele se materialize.

3. Avalie os riscos e tome precauções

Agora que você tem uma lista de perigos potenciais, considere a probabilidade de o perigo ocorrer, e quão graves serão as possíveis consequências. Isso ajudará você a determinar onde reduzir o nível de risco e quais perigos deve priorizar primeiro.

Continue lendo para saber como criar um gráfico de avaliação de riscos para ajudá-lo durante o processo.

4. Registre suas descobertas

Se você tiver mais de cinco funcionários em sua empresa, a lei exige registrar seu processo de avaliação de riscos. O registro deve incluir os perigos que você encontrou, as pessoas que seriam afetadas e um plano para reduzi-los. O registro — ou o plano de avaliação de riscos — deve mostrar que você:

  • Realizou uma avaliação apropriada do seu espaço de trabalho
  • Determinou quem seria afetado
  • Controlou e solucionou os perigos mais eminentes
  • Tomou precauções para controlar os riscos
  • Manteve sua equipe envolvida no processo

Para elaborar seu plano de avaliação de riscos, você pode usar o Lucidchart para visualizar e documentar os processos. Crie uma conta gratuita hoje mesmo!

5. Revise a avaliação e atualize-a se necessário

Seu local de trabalho está sempre mudando, portanto, os riscos para sua organização também. Novos equipamentos, processos e pessoas também trazem novos riscos e perigos. Revise e atualize seu processo de avaliação de riscos com frequência para antecipar novos perigos.

Como criar um gráfico de avaliação de riscos

Você certamente precisa estar ciente dos riscos enfrentados pela sua organização, no entanto, não tente solucionar todos de uma só vez — reduzir riscos não é barato e pode consumir seus recursos. Recomendamos priorizar certos riscos e focar seu tempo e seus esforços para prevenir os perigos mais eminentes. Para ajudá-lo a priorizar riscos, crie um gráfico de avaliação de riscos.

O gráfico de avaliação de riscos é baseado no princípio de que um risco tem duas dimensões principais: probabilidade e impacto, e cada uma representada em um eixo do gráfico. Você pode usar essas duas medidas para organizar riscos no gráfico, o que permite determinar as prioridades e alocar recursos.

gráfico de avaliação de riscos
Gráfico de avaliação de riscos (clique na imagem para modificar on-line)

Esteja preparado para tudo

Ao aplicar os passos de avaliação de riscos descritos acima, você poderá administrar qualquer risco potencial para sua empresa. Para preparar seu plano de avaliação de riscos, dedique um tempo para identificar os perigos em sua empresa e descobrir como gerenciá-los.

Comece a diagramar com o Lucidchart hoje mesmo — gratuitamente!

Cadastre‐se gratuitamente

Bastante acessado

what does HR do

O que faz o RH? 11 responsabilidades importantes

Sobre o Lucidchart

O Lucidchart é o aplicativo de diagramação inteligente que capacita as equipes a esclarecer a complexidade, alinhar seus insights e construir o futuro, mais rapidamente. Com esta solução intuitiva baseada em nuvem, todos podem trabalhar visualmente e colaborar em tempo real enquanto criam fluxogramas, maquetes, diagramas UML e muito mais.

O Lucidchart é a alternativa on-line ao Visio mais conhecida e utilizada em mais de 180 países por milhões de usuários, desde gerentes de vendas para mapear organizações-alvo a diretores de TI para visualizar sua infraestrutura de rede.

Publicações relacionadas:

5 Steps to Any Effective Risk Management Process

risk management process

As 5 etapas do processo de planejamento estratégico

processo de planejamento estratégico
Português
EnglishFrançaisDeutsch日本語PortuguêsEspañolNederlandsPусскийItaliano
PrivacidadeJurídico
© 2021 Lucid Software Inc.